terça-feira, 25 de maio de 2010

pérola, carvão e carmim...

sempre bom voltar às raízes do que nos inspiram...
hoje acordei visceral... com vontade de essência...
a música regional me acompanhou o dia inteiro... os batuques e melodias cantados em coro... aquele de mulheres que trabalham juntas... o canto que alivia... as saias rodadas que extravasam toda a feminilidade tem quem tem mãos calejadas...
hoje acordei terra... e com saudade de Verger e Caribé... acordei com saudades da Àfrica por seus olhos e lentes... acordei pérola, carvão e carmim...
...
estes colares estão disponíveis na lojinha...

4 comentários:

Milena disse...

ju, esse livro é o "gente da bahia"? pois se for, tá na minha wishlist. sou fanzona do verger!

Ju Padilha disse...

o do link que mostrei é!!! já tem um novo que junta Verger, Carybé e Caymmi... linnndo!!!! e é esta novidade que está na minha "wishlist"!!!
beijinho e muito obrigada por escrever!!!

Facundo disse...

Já que você está nesse sentimento de raízes, cultura negra e talz, vejo que vc está num bom eespírito para ver o maravilhoso filme "Quincas Berro D´agua" baseado no livro de Jorge Amado em cartaz nas melhores salas do país!

Grande abraço!

:-)

p.s. - falare nisso, vá num sebo perto da sua casa e compre uns clássicos do Jorge Amado, acho que esse é um bom momento para vc ler!

Ju Padilha disse...

George,
a dica é perfeita, o Amado também era muito amigo do Carybé e do Verger! rescentemente li "mar morto" e o próximo da lista deverá ser a "tenda dos milagres", isto sem contar em "capitães da areia", que marcou a minha adolescência!
estou adorando suas visitas, mas em especial os comentários, que sempre trazem uma contribuição bacana!
beijo

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin